Equilibre a flora intestinal

Essa semana foi pública no site da Revista Época uma matéria interessante sobre a descoberta do “segundo cérebro” no sistema digestivo  (clique aqui para ler a notícia).

Você já parou para pensar que o seu humor, a existência ou não de celulite, o aparecimento da sinusite e outras doenças podem estar relacionados com as condições da saúde do seu intestino?
Há muito tempo esse órgão não é visto com a função de apenas separar e absorver os nutrientes e dispensar os restos alimentares. Dentre suas funções, o intestino também é responsável pela:

– produção de 80% de toda serotonina – que é um neurotransmissor fundamental para a sensação de bem-estar – do nosso organismo. Se o intestino não está equilibrado, a produção de serotonina fica insuficiente. Por esse motivo, hoje já se associa quadros depressivos ao mau funcionamento intestinal.

– produção de células do sistema imunológico, responsáveis pela defesa do organismo. Quando você está com resistência baixa, com uma gripe atrás da outra ou infecções seguidas, o problema pode estar relacionado a esse órgão.

– produção de hormônios e enzimas que direcionam o caminho dos nutrientes dentro do nosso organismo, otimizando a digestão, o metabolismo e absorção de nutrientes.

Deu pra perceber o quanto é importante manter a flora intestinal equilibrada?
Veja algumas dicas simples que contribuem para a saúde do intestino:

– Dê preferência a alimentos naturais, integrais, frutas, verduras e legumes, pois são alimentos ricos em fibra e ricos em enzimas.
– Consuma alimentos fermentados naturais (soja fermentada, missô, shoyu etc.) pois são alimentos ricos em enzimas.
– Evite frituras, gorduras, carnes vermelhas, alimentos enlatados, bebidas industrializadas. O excesso destes alimentos causam danos a saúde.
– Mastigue bem os alimentos para facilitar o trabalho do sistema digestivo
– Beba água de qualidade
– Pratique atividade física regularmente

Se você tiver alguma dica para beneficiar o intestino, compartilhe conosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *